Blog

2019-12-18-como-se-recolocar-profissionalmente

Talvez você esteja lendo esse post porque foi demitido do seu último emprego ou apenas porque quer mudar para uma nova carreira. Independentemente de qual dos casos seja o seu, a recolocação profissional é uma maneira de redescobrir a si mesmo e de se reencontrar no mercado de trabalho.

Então, segue com a leitura que vamos dar algumas dicas de como viver esse momento de forma mais tranquila.

Reflita sobre suas habilidades e objetivos

A partir do momento em que você para e analisa o tipo de profissional que é fica bem mais fácil saber para onde se pode ir. Desse modo, reflita sobre as experiências que já teve, bem como os cargos e as empresas pelos quais passou.

Pense também nas qualificações que você possui, tanto acadêmicas como pessoais. Isso inclui cursos de inglês, graduação e pós-graduação, além de habilidades de liderança, oratória, criatividade, pró-atividade, entre outras.

Atualize seu currículo e se qualifique

Com base no exercício anterior você pode pensar naquilo que ainda precisa ser melhorado no seu currículo e ir atrás dessa qualificação. Se estiver faltando fluência em um segundo idioma, busque fazer um curso. Caso o problema seja o trabalho com uma nova ferramenta, leia conteúdos até descobrir como usá-la.

Enfim, busque se qualificar e coloque isso no seu currículo. A partir de então comece a enviá-lo para os locais que você vê como oportunidades.

Não se desespere

Nem sempre as coisas saem do jeito que queremos ou no momento que queremos. Então, não se desespere se demorar a conseguir um novo emprego ou se não encontrar a proposta que você tanto esperava.

Trabalhe com as oportunidades que você tem no momento. Talvez aquele emprego temporário possa ser uma porta de entrada para encontrar o seu objetivo final, por exemplo.

Tenha uma reserva financeira e organize suas despesas

Seja você sendo demitido ou estando em busca de um novo emprego por opção própria, é importante ter uma reserva financeira prévia para enfrentar esse momento. Essa é a base para se evitar o desespero que abordamos no tópico anterior.

Sendo assim, ao longo da sua vida, não gaste tudo aquilo que ganha e vá aos poucos montando uma reserva de emergência. Ao mesmo tempo organize as suas despesas do momento e corte gastos desnecessários.

Engaje-se no networking

O contato com as pessoas é uma ótima forma de encontrar novas possibilidades no mercado de trabalho. Isso não quer dizer ser inconveniente, mas apresentar-se como alguém aberto a ofertas de emprego.

Outro ponto importante é não se esquecer de atualizar as redes sociais, afinal, elas são uma ótima forma de contatar seus colegas e conhecidos. Também dê atenção ao LinkedIn, ele é uma rede profissional dentro da qual é possível encontrar ofertas de emprego e mostrar, de maneira clara, que está buscando uma recolocação no mercado.

Todas as cinco dicas que apresentamos ao longo do texto mostram que mudar de carreira ou seguir em busca de um novo emprego não é algo simples. É preciso ter paciência, autoconhecimento e planejamento para fazer esse processo funcionar.

 

Deixe seu Comentário!

*Seu e-mail não será divulgado.